Confirmado

Banner Festival.png

Nascido e criado na ilha do Sal, muito cedo se interessou por instrumentos musicais e desenvolveu, desde então, uma aprendizagem musical autodidata. Com 13 anos Dynamo já tocava guitarra e cantava músicas de sua própria autoria nas festas de escola e pela vizinhança.

Além da música, sempre foi uma criança muito ativa e por algum tempo levou muito a sério o sonho de um dia ser um futebolista ou um tenista profissional e representar o seu país, tendo participado em várias competições locais e nacionais nas duas modalidades, e ido aos Açores em 2003 representar Cabo Verde na sétima edição dos Jogos das Ilhas como atleta de ténis sub 16.

Em 2008 decidiu adotar o nome artístico de Dynamo[2] e seguir o seu sonho de infância, depois de receber boas críticas em relação à sua versatilidade e voz rouca. Em 2010 Dynamo saiu dos Estados Unidos rumo a Portugal, para concluir os estudos na Universidade Lusíada no Porto, e também para correr atrás de oportunidades mais promissoras na música.

Após uma breve temporada como vocalista/compositor da banda C4,[1](6:35) em 2012 foi contratado pela editora Broda Music, com a qual, ao longo de 5 anos, produziu 2 álbuns e atuou em centenas de concertos em diversos países, principalmente onde houvesse comunidade PALOP,[3] contribuindo também para a ascensão da mesma editora.

Em 2014 Eder dos Santos concluiu o ensino superior, na área de Gestão Empresarial. No mesmo ano também lançou o seu primeiro álbum intitulado "One", tendo como principais destaques as faixas "Encaixa" e "Princesa".(10:10) Com este álbum de estreia, Dynamo foi dos artistas mais nomeados na gala dos Cabo Verde Music Awards 2015, onde ganhou o prémio de Melhor Intérprete Masculino, e o prémio de Melhor Kizomba com o tema "Poderosa".

Em 2016 lançou o seu segundo álbum de originais - "Mirror",[9] no qual se destacaram as faixas "Aperta", "Tequila" e "Fica".

Em 2017 o cantor interrompeu o vínculo com a editora, terminando assim 5 anos de parceria[10] para passar a gerir a sua própria carreira musical. No mesmo ano apresentou a sua marca DNM[11] e designou a sua empresa de Beat Drop. Meses depois, lançou o seu primeiro Single por conta própria —"Only One"— que atingiu o topo das tabelas com vários milhões de visualizações no YouTube,[12] e em 2018 arrecadou os prémios de Melhor Videoclipe e Artista Digital do Ano nos Mais Kizomba Awards, em Portugal, e Música do Ano, pela terceira vez, noutra gala em Cabo Verde.

Ainda em 2018 Dynamo lançou os singles "Espelho Meu", "Enquanto N'Respira", e "Grogue" que se mantiveram no topo das tabelas de rádio e televisão em Cabo Verde por várias semanas consecutivas, tendo o primeiro recebido o prémio de Melhor Música Popular do Ano numa gala na sua ilha de origem.

Em 2019 lançou os temas "Kimica", "African Dream" (dedicada aos primeiros Jogos Africanos de Praia a ter lugar em Cabo Verde), "Roda" e "Ka Ta Consigui", também atingindo grandes números de visualizações em poucas semanas.

O artista conta com mais de 100 mil seguidores nas redes sociais e mais de 30 milhões de visualizações nas suas músicas no YouTube, sendo hoje uma das referências da nova geração de músicos em Cabo Verde e entre as comunidades PALOP espalhadas pelo mundo.

1 Logotipo CMSal-2.png
2 CVMOVEL VERTICAL OFICIAL - POSITIVA.png
3 unnamed.png
4 IMPAR SEGUROS.jpg
5 RIU 2.png
6 Morabeza.png
7 APP.png
Logo_BCN-05.jpg
8 SOCOL.png
9 MARCHIO BRAVO_POSITIVO (1).jpg
10 porto antigo.jpg
11 Logo_SGL_pq_a.png
12 SOBRADO.png
13.png
14.jpg
271519861_1620229211656240_6968834838988763020_n.png
277729550_483894770048381_1701827866810580993_n.jpg
channels4_profile.jpg
transferir.png
Nosi-logo.jpg
b.png
a.png
SUPER BOCK.png
hotel-logo.png
CAVIBEL.jpeg
CASU.png
iNTERATLANTICO.png
GARANTIA SEGUROS.png
MARCHIO BRAVO_POSITIVO (1).jpg
DUNAS DE SAL.png
Hotel da Luz.png
APP.png
BCA.jfif
NORTENHA.jpg
tecnicil industrias.png
LOGO BENITO-1.jpg
AMERICOS.png
LOGO VETOR DIN DIAS-pdf.png
image001.jpg