• CmSal RE

Presidente da Câmara Municipal do Sal realiza visita guiada para representantes da organização USAL




Na sequência da visita de cortesia de segunda-feira, 27 de dezembro, o presidente da Câmara

Municipal do Sal, Júlio Lopes e o Vereador Francisco Teixeira, realizaram durante o dia de ontem, uma visita guiada aos emigrantes e representantes da USAL e Amigos, ao município do Sal, com vista a dar-lhes a conhecer o panorama do desenvolvimento da ilha e dos trabalhos levados a cabo pela autarquia local.


O primeiro ponto da visita teve início no Paços do Concelho, tendo o presidente apresentado

aos membros da USAL e Amigos, a orgânica da instituição, com ênfase no gabinete de atendimento a emigrantes, o atendimento digital, destacando a utilização das plataformas digitais existentes, nomeadamente a utilização do email camaramunicipaldosal@gmail.com, o site www.camaramunicipaldosal.info e as redes sociais.


A localidade de Pedra de Lume foi também um dos destinos da visita guiada, tendo o autarca

destacado as obras realizadas pela autarquia no âmbito da requalificação urbana, as obras da

estrada de acesso lateral de Ca Faru, a iluminação pública e o processo de transferência de

propriedade individual das respetivas moradias, que se encontra em curso. Ainda em Pedra de Lume, de visita ao cais de pesca, Júlio Lopes, fez referencia à requalificação que se encontra em curso, através da parceria da Câmara Municipal do Sal, Ministério do Mar, e a Associação.


No decorrer da visita guiada, nas proximidades do hospital Ramiro Figueira, o edil salense fez referência à construção da clinica privada e centro de cardiologia, investimento privado do Dr. Francisco, que irá reforçar a prestação de serviços de saúde, para os munícipes e turistas na ilha do Sal, tendo de igual modo, referenciado a construção de mais uma clinica privada, desta feita, na cidade de Santa Maria, do investidor, o Dr. Moniz.


No que tange ao desporto, Júlio Lopes, deu a conhecer aos emigrantes, o trabalho realizado no estádio Marcelo Leitão, que para além de ter sido submetido a obras de reabilitação, à semelhança do campo de Djidjuka em Santa Maria, hoje a infraestrutura conta com um relvado certificado pela FIFA. O autarca enalteceu também a inauguração o campo de 7 em

Ribeira Funda, O Campo de Cifrão, com relva sintética, e por fim as obras do Campo de 7, em

Santa Maria, também com relva sintética, obras que segundo o presidente, Júlio Lopes,

representam uma prioridade para a atual gestão.


A caminho de Santa Maria, na localidade de Fátima, o autarca Júlio Lopes deu a conhecer aos emigrantes, o projeto de infraestruturação que ali irá surgir, com vista a dar respostas a

investimentos dos cidadãos nacionais e residentes na diáspora, mas também que irá responder às necessidades de construção de casas sociais na modalidade de direito de superfície, com foco na juventude.


Quanto à estrada que liga as cidades de Espargos e Santa Maria, nesta visita, a edilidade deu a conhecer aos emigrantes, o investimento de grande relevância para a ilha do Sal, a ser financiado pelo Banco Mundial, num montante de oitocentos mil contos, por intermédio do

Programa de Ordenamento Territorial do Sal (POT), que irá garantir a requalificação das duas vias, com iluminação através de energias renováveis, a introdução de uma ciclovia de Vila Verde até a cidade dos Espargos e, com separador metálico, para que em caso de despiste, os utentes da ciclovia possam ficar em segurança


À chegada na cidade de Santa Maria, o presidente, Júlio Lopes, apresentou aos emigrantes as

obras realizadas na rua Amílcar Cabral, hoje com o um novo pavimento, com melhores passeios, e com mais estética, e que agora irá ser submetida à instalação de uma nova iluminação de alta qualidade. O autarca fez saber aos emigrantes que, os mobiliários expositores de venda de artesanato também irão sofrer melhorias com vista a promover a elevação da estética, na vertente física e humana, com mais disciplina, e mais organização, para que possamos ter uma ilha voltada para o bem-estar dos Cabo-Verdianos e os visitantes.


Ainda na cidade de Santa Maria, o edil salense, Júlio Lopes, fez referência as obras de reabilitação do calçadão, sendo que neste ano, o respetivo calçadão foi estendido até ao hotel

Hilton, proporcionando os utentes e turistas um melhor conforto, associado aos serviços de

saneamento que também são visíveis, com limpeza da infraestrutura, tendo também realçado

que a autarquia já tem em curso o processo de recrutamento de vigilantes, com vista a dar

resposta aos quesitos de segurança dos utentes e turistas que utilizam o calçadão.


No pontão de Santa Maria, o edil salense, Júlio Lopes, informou aos emigrantes da existência

do projeto financiado pelo Governo de Cabo Verde, em trezentos mil contos, para o aumento

da estortura, melhoramento da estética, melhoramento da organização dos espaços para a

realização das atividades, nomeadamente de pesca e turismo, com objetivo de fazer com que

o pontão seja de facto uma centralidade para Santa Maria.


Já no período de tarde, a visita teve seguimento até à localidade da Palmeira, tendo o autarca Júlio Lopes, enaltecido as obras da primeira fase da pedonal de palmeira já realizadas. O Edil fez referencias aos trabalhos que vão ser feitos, nomeadamente à mudança de iluminação no centro da palmeira, com vista à conversão do centro da palmeira numa rua pedonal central de convívio. O autarca fez saber de igual modo que o Governo de Cabo Verde, irá construir um centro de saúde, nas proximidades da Casa para todos, e uma nova escola na localidade.


Na cidade dos Espargos, no bairro de Alto Santa Cruz, o edil, Júlio Lopes, deu a conhecer aos emigrantes, as obras realizadas referentes a estradas, rede de esgoto, rede de agua, e iluminação pública. O autarca destacou ainda a construção de 700 casas para 700 famílias, beneficiando com habitação própria, um universo três mil pessoas.


Por fim, a visita teve como ultimo ponto, a rua central da preguiça, em que o presidente, Júlio Lopes, realçou a importância da realização da primeira fase de asfaltagem das ruas estruturantes da cidade dos Espargos, confirmando ainda que nas fazes seguintes, a cidade de Santa Maria também terá mais ruas asfaltadas. É de referir a título de nota final, que o presidente, Júlio Lopes, mostrou aos representantes da USAL e Amigos, o projeto das obras da semi pedonal, que irá surgir na atual Rua de Toy Pedro, com as obras a arrancarem no principio do ano de 2022