Sal: Executivo Camarário recebe visita do Ministro da Educação


Com o objetivo de inteirar-se da implementação do projeto educativo e do impacto da Covid-19, no ambiente escolar, o ministro da Educação, Amadeu Cruz, iniciou, hoje, uma visita de dois à ilha do Sal, efetuando uma visita de cortesia à Presidente substituta da Câmara Municipal, Carla Carvalhal, que se fez acompanhar na receção ao Governante da vereadora para área da Educação, Maria João Brito, e outros vereadores da Edilidade.


Carla Carvalhal, na qualidade de Presidente Substituta, proferiu palavras de boas vindas ao ministro e à delegação que o acompanhou na visita, realçando a enorme satisfação dos dirigentes do município, em receber a visita do Ministro, numa altura em que a ilha, à semelhança do país, está a fazer face aos impactos negativos da COVId-19: “Como se sabe a ilha do Sal é uma das ilhas mais afetadas a nível económico pela pandemia em Cabo Verde, o que coloca enormes desafios ao município, mas também oportunidades, particularmente na questão da transição digital”, disse Carla Carvalhal, reiterando que a Câmara Municipal do Sal tem sido uma grande parceira do Ministério da Educação na ilha e vai continuar a sê-la.


Por seu turno, o ministro da Educação, Amadeu Cruz, agradeceu a receção calorosa, bem como todo o apoio e colaboração que a Câmara Municipal do Sal tem dado ao Ministério da Educação, tendo colocado a equipa camarária a par das medidas que o governo vem tomando para garantir a segurança das crianças e jovens estudantes neste contexto de pandemia, sublinhando, naturalmente, que está ciente dos grandes impactos que a COVID-19 trouxe a Cabo Verde, particularmente às ilhas do Sal e da Boa Vista.


Por outro lado, o governante abordou com a equipa camarária questões estratégicas de desenvolvimento e melhoria da Educação na ilha, nomeadamente, o congestionamento da Escola Básica e Secundária Olavo Moniz, o alargamento de infraestruturas escolares e a construção de uma escola em Espargos, zona norte, para acolher estudantes do 2º ciclo, para a qual o ministério conta com a parceria da Câmara Municipal, na disponibilização de lote de terreno; a Lei de Bases do Ensino Pré-escolar e as questões salariais das monitoras de infância e por último as questões ligadas ao ensino Superior, particularmente à implementação, na Ilha do Sal, de forma estruturada e articulada do Instituto da Aeronáutica e Indústria Turística foram também analisadas.

De destacar que, ao longo da visita à ilha do Sal, o ministro da Educação tem agendado visitas a escolas a saber: escola Nova, Escola Básica e Secundária Olavo Moniz, Escola da Pretória, Escola Zeca Ramos (Vila da Palmeira) Complexo Educativo de Santa Maria.


Para além das visitas às estruturas educativas, o governante vai reunir-se com os dirigentes (diretores dos agrupamentos, responsáveis de escolas e coordenadores da Delegação) e receber em audiência professores e /ou docentes que eventualmente possam inscrever-se para o efeito.


Destaque ainda para encontros de trabalho visando parcerias estratégicas com a Direção da Asa, com a Direção do Instituto do Turismo de Cabo Verde e com a direção da Câmara de Turismo.